Bombeiros realizam 86 salvamentos aquáticos durante a Operação Verão

Na manhã desta quarta feira, dia 29, o Corpo de Bombeiros Militar do RN (CBMRN) apresentou, no auditório da Emater, no Centro Administrativo de Natal, os dados estatísticos relacionados aos atendimentos prestados pela corporação durante o período de 16 de dezembro e 26 de fevereiro, onde foi realizada a Operação Verão 2011/2012, do Governo do Estado do RN.
Os dados apresentados mostram que os bombeiros atenderam 2255 chamados no período do verão, o que representou um aumento de 56,1% em relação ao mesmo período no ano passado. O destaque, entre os atendimentos prestados pelos bombeiros, foi a manutenção do Programa Bombeiro Amigo do Peito, mesmo no período de férias, com 777 coletas de leite materno que servirão para repor estoques dos bancos de leite do estado. Outro registro importante foi às ocorrências de incêndio florestal que apontaram um total de 328 casos.
De acordo com o Coronel Elizeu Dantas, o aumento no número de atendimentos de incêndios florestais no RN ocorreu em função de uma parceria firmada, desde dezembro de 2011, com o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do RN (IDEMA) que permitiu um incremento logístico e financeiro nestas ações através da Operação Abrace o Meio Ambiente.
 Os bombeiros ainda registraram, somente na região metropolitana, 310 enxames de insetos, 246 incêndios em edificações, 146 vistorias do serviço técnico de engenharia, 86 árvores oferecendo risco de quedas, entre outras.
No litoral e balneários do estado foram registrados 115 atendimentos, entre eles, Salvamentos Aquáticos (86) e Morte por afogamento (10). As maiores ocorrências no litoral foram realizadas na Praia do Meio (30), Buzios (27), Redinha Nova (18), Praia dos Artistas (9), Ponta Negra (5), Tibau do Sul (5), entre outras.
Os afogamentos seguidos de morte foram registrados: Praia dos Artistas, Redinha, Ponta Negra, Touros, Barra do Rio, Jucurutu, Timbaúba dos Batistas, São Paulo do Potengi, Caraúbas e Santana dos Matos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *