TSE abre inscrições para o curso de prestação de contas eleitoral 2020

ELEIÇOESO curso é oferecido na modalidade à distância, com carga horária de 15 horas, e destina-se a contabilistas, advogados, representantes de partidos políticos, candidatos e quaisquer interessados que atuem na campanha eleitoral de 2020 ou que tenham interesse no assunto.

O curso é dividido em módulos e abordará sobre os pré-requisitos para o início da campanha; arrecadação de recursos; gastos eleitorais; comprovação da movimentação, sobras e dívidas de campanha; prestação de contas; análise e julgamento das contas, controle sobre as contas e processamento, com destaque para as inovações trazidas pelas recentes alterações da legislação. Serão oferecidas apostilas, videoaulas e avaliação de aprendizagem aos participantes. O curso é gratuito.

TRE-RN faz reunião para planejamento da preparação das Eleições 2020

c49e3510-691d-42e7-82a9-f3a0f88115d5O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte, visando a preparação das Eleições 2020, convocou reunião com todos os chefes de cartório e servidores das zonas eleitorais da capital e do interior do estado no intuito de repassar esclarecimentos relacionados ao planejamento final das Eleições municipais. A Reunião será realizada através de videoconferência e terá transmissão pelo canal do Youtube do TRE-RN em link privado, nesta segunda-feira (21) das 9h às 18h.

A abertura do evento será as 9h com a palavra do Presidente do TRE-RN, desembargador Gilson Barbosa e do Corregedor Regional Eleitoral, Desembargador Claudio Santos. Pela manhã seguirão as falas da diretora-geral, Yvette Guerreiro; da secretária de gestão de pessoas, Teresa Farache; da secretária de administração, orçamento e finanças, Simone Melo; do chefe do núcleo de segurança da presidência, Cel. Edwin Brito e da assessora de comunicação social e cerimonial, Juliska Azevedo.

Brasil terá discussão sobre novo marco legal da radiodifusão em 2021

rádioO governo se prepara para uma ampla atualização das operações e legislações que envolvem a transmissão de sinal audiovisual no Brasil, disse  o secretário de Radiodifusão do Ministério das Comunicações, Maximiliano Martinhão, em entrevista hoje (18) para A Voz do Brasil.

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) analisou a regulamentação e legislação de radiodifusão brasileira. Segundo o Ministério das Comunicações, há uma reconhecida necessidade de atualização e mudança das regras aplicadas no setor, cuja legislação atual data da década de 1960.

O processo deve gerar um novo marco legal, que será amplamente discutido a partir do ano que vem. “Seremos muito cuidadosos nesse processo. Televisão e rádio no Brasil são inigualáveis no mundo. Seja por nossa dimensão continental, seja pela quantidade de emissoras e estações”, afirmou Martinhão. O secretário disse que toda a cadeia de trabalho da radiodifusão será ouvida “em prol de um futuro saudável para a TV e para o rádio em todo o país”.

Primeira onda da covid-19 deve acabar em outubro, diz estudo da UFF

coronavírusA transmissão da covid-19 segue a mesma sazonalidade de outras doenças respiratórias, como H1N1 e gripe Influenza. Com isso, o Brasil e o Hemisfério Sul devem passar por uma diminuição de casos a partir de outubro, com a aproximação do verão, enquanto o hemisfério norte vê o aumento nos registros, com a chegada do inverno.

A análise está no estudo Detecção Precoce da Sazonalidade e Predição de Segundas Ondas na Pandemia da Covid-19, coordenado pelo professor Márcio Watanabe, do Departamento de Estatística da Universidade Federal Fluminense (UFF).

“A sazonalidade de doenças significa que existe um padrão anual onde há um momento do ano em que a doença tem uma transmissão maior. No caso das doenças de transmissão respiratória, geralmente elas apresentam uma sazonalidade típica do período de outono e inverno, ou seja, elas têm uma transmissão maior e, portanto, uma quantidade maior de pessoas infectadas nos meses de outono e inverno”, explica Watanabe.

RN registra 11 casos confirmados de síndrome associada à Covid-19

CORONAVÍRUSA Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgou um informe epidemiológico em edição especial sobre a Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (Sim-P), temporalmente associada à Covid-19 no contexto do RN. Até o dia 16 de setembro de 2020, foram notificados no estado 21 casos suspeitos para SIM-P, dos quais 11 foram confirmados.

Os casos confirmados são dos seguintes municípios: Mossoró (3), Natal (3), São Gonçalo do Amarante (2), Apodi (1), Nísia Floresta (1) e Touros (1). Desses apenas um permanece internado e dez receberam alta. Entre os casos suspeitos, um continua internado, oito receberam alta e um evoluiu para óbito, o qual está em investigação. Ressalta-se que cinco dos casos suspeitos tiveram testes de diagnóstico positivos para arboviroses, sendo um caso de Zika, três de Chikungunya e um que positivou para Zika e Dengue.

A investigação da SIM-P no RN vem sendo realizada de forma retroativa por parte dos hospitais, após solicitação da Sesap, em função da publicação da Nota Técnica nº 16 do Ministério da Saúde, que orienta sobra as notificações da SIM-P no país.

RN registra 16 ataques a instituições financeiras contra 22 casos em 2019

BANCOO Rio Grande do Norte tem registrado uma redução no número de ataques a instituições financeiras e seus equipamentos neste ano. Pelo menos é o que apontam dados publicados nesta quinta-feira (17), pelo portal Agora RN. Os números reportados pelo site dão conta de crimes como, explosões a bancos, arrombamento de caixas eletrônicos e ataques a carros-fortes.

Segundo o portal, com estatísticas atribuídas à Divisão de Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), da Polícia Civil potiguar e sediada em Natal, neste ano já foram registrados no estado 16 crimes dentro dessa modalidade. As ações incluem nove arrombamentos de caixas eletrônicos e sete explosões a bancos. Em 2020, o RN ainda não contabiliza ataques a carros-fortes, conforme os dados divulgados ontem pelo site.

Já no ano passado, essa violência patrimonial contra o setor no território potiguar foi maior. O levantamento registra 22 casos, incluindo 10 arrombamentos de caixas, sete explosões a bancos e cinco ataques a carros-fortes. A reportagem do site apontou que ações da DEICOR têm contribuído para reduzir a quantidade desse tipo de ocorrências, geralmente executadas por quadrilhas especializadas. O delegado Erick Gomes, titular da Deicor, teria dito em entrevista que esforços na área investigativa estariam enfraquecendo praticantes dessas ações criminosas, como o chamado “Novo Cangaço”.

Três policiais militares são presos suspeitos de envolvimento na morte do jovem Gabriel

Três policiais militares foram presos nesta quinta-feira (17) suspeitos de envolvimento na morte do jovem Gabriel de Souza, de 18 anos. Gabriel foi visto pela última vez no dia 5 de junho quando saiu para visitar a namorada. O corpo dele foi encontrado 9 dias depois, em avançado estado de decomposição, em São José de Mipibu.

Dois dos policiais estavam de serviço e foram presos após se apresentarem ao Comando Geral e o terceiro suspeito foi preso em sua residência. Um outro policial militar já havia sido preso no dia 19 de agosto também por suspeita de envolvimento no crime. De acordo com a Polícia Civil, os quatro PMs suspeitos são lotados no município de Goianinha.

Corpo é encontrado com marcas de tiros na cabeça e mãos amarradas em matagal

jonathanUm homem de 33 anos foi encontrado morto na tarde desta sexta-feira (18) em uma área de matagal do município de Parnamirim, na região metropolitana de Natal. Segundo a Polícia Militar, o corpo de Jonathan Monteiro da Cunha tinha marcas de vários disparos na cabeça e estava com as mãos amarradas.

O corpo do rapaz foi encontrado nas proximidades da BR-304 no trecho entre Parnamirim e Macaíba. Jonathan estava desaparecido desde o fim da tarde de quinta-feira (17). Segundo relatos feitos aos policiais, ele trabalhava em uma fábrica de sorvetes na cidade e saiu do trabalho de bicicleta por volta das 17h para ir para casa, no bairro Felipe Camarão, em Natal, como fazia diariamente. Mas não chegou ao destino.

Sem notícias desde o dia anterior, amigos e parentes começaram a fazer uma busca por conta própria em áreas de matagal da cidade de Parnamirim, após serem informados que moradores E foi em uma dessas áreas que eles encontraram o corpo de Jonathan.

Quatro carros e dois caminhões se envolvem em engavetamento na BR-304

acidente1Quatro carros e dois caminhões se envolveram em um engavetamento na tarde desta sexta-feira (18) no trecho da BR-304 que fica no município de Santa Maria, no interior do Rio Grande do Norte. Segundo as informações iniciais da Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma pessoa se feriu gravemente no acidente.

De acordo com a PRF, uma carreta bateu atrás de um veículo e desencadeou o acidente, já que os carros foram atingindo os veículos que estavam na frente em sequência. O último que sofreu o impacto foi um caminhão que estava na frente e foi o que teve menos danos. Além de um ferido grave, outras pessoas tiveram ferimentos leves. O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi acionado para o atendimento das vítimas.

Governo do RN oficializa suspensão das aulas presenciais na rede pública em 2020

EDUCAÇÃOCom o encerramento do prazo estipulado em agosto pelo Decreto Estadual nº 29.928, o Governo do Estado publica neste sábado (19) a nova diretriz que suspende as aulas presenciais na rede pública estadual em 2020 e autoriza o retorno das atividades na rede privada de ensino e nas Instituições de Ensino Superior (IES) a partir do dia 5 de outubro no Rio Grande do Norte.

O documento, assinado pela governadora Fátima Bezerra e pelos secretários de Estado Cipriano Maia (Saúde Pública), Getúlio Marques (Educação) e Raimundo Alves (Gabinete Civil), regulamenta a decisão anunciada no dia 8 de setembro. O decreto ainda aponta uma ressalva. A Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC), em conjunto com o Gabinete Civil, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e os conselhos estaduais de Educação e de Saúde, pode estabelecer atividades presenciais em situações excepcionais.

REDE PRIVADA

Com relação à rede privada de ensino e as Instituições de Ensino Superior (IES), além da autorização do retorno no próximo dia 5, o decreto pontua que devem ser mantidas as atividades não presenciais para alunos, professores e funcionários que se encontrem no grupo de risco, que vivam com integrantes do grupo de risco e para aqueles cujos responsáveis optarem pela modalidade não presencial.