Secretaria de Saúde desenvolve programa que estimula caicoenses a deixar de fumar

Deixar o vício pelo cigarro
não é tarefa fácil, principalmente para 47% da população masculina e 12% feminina
no Brasil. Com o objetivo de reverter a situação, o Ministério da Saúde
desenvolve o Programa “Deixando de Fumar sem Mistérios”, que estimula as pessoas a
deixar o vício. Em Caicó, a Secretaria Municipal de Saúde de Caicó fez a adesão
ao programa e implantou no Município.
O bairro pioneiro foi o João
XXIII que, na noite da última terça-feira (27/08), iniciou as atividades e
reuniu um grupo de 15 pessoas na Unidade Básica para a primeira reunião. O encontro
serviu para contar as experiências dos populares e foi propício para marcar o
início da recuperação.
“Os pacientes já tiveram um
primeiro contato individualmente com o médico infectologista, Dr. Eduardo. Ele fez
uma avaliação da saúde das pessoas e nesta terça-feira iniciamos a nossa
primeira reunião em grupo para ter uma conversa, orientá-las e entregar a
medicação”, disse Rebeca Vieira, enfermeira do UBS.
No bairro caicoense, o trabalho
começou com a identificação de pessoas fumantes, através das visitas dos
agentes de saúde. Em seguida é feito um cadastro, uma avaliação individual pelo
médico e, caso o paciente necessite, a secretaria fornece a medicação.
“Não é todo mundo que precisa
da medicação, tem pessoas que vão deixar o cigarro sem precisar tomar remédio. Mas,
de acordo com o médico, alguns pacientes vão tomar um comprimido por dia durante
três dias e, em seguida, dois comprimidos por dia. Depois disso, o infectologista
voltar a fazer uma avaliação para saber quem está adaptando-se com o remédio”,
explicou Vieira.

No Rio Grande do Norte,
13,1% da população maior de 18 anos é fumante. De acordo com a coordenadora do
Programa Estadual de Controle do Tabagismo, Lizabeth Guimarães, além dos danos
à saúde, ao longo da cadeia de produção do tabaco há fatores que afetam o meio
ambiente e toda a sociedade. “A cada 300 cigarros produzidos, 1 árvore é
derrubada. Quem fuma 20 cigarros por dia derruba 2 árvores por mês”,
informou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *