Vivaldo quer implantar projeto Vida Fala Mais Alto em todos os municípios do RN

O deputado estadual Vivaldo Costa (PSD) apresentou um Projeto de Lei na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte com o objetivo de implantar o projeto “Vida Fala Mais Alto” em todos os municípios do Estado. A ideia é baseada em uma ação semelhante já realizada na cidade de São José do Seridó, e tem como objetivo implantar políticas públicas de enfrentamento ao suicídio. A proposta foi apresentada pelo parlamentar na sessão desta quarta-feira (09), durante o horário dos deputados.

“Este é um dos temas que mais preocupa a população. A gente vê constantemente na imprensa o grande número de pessoas que tira a vida na Ponte Newton Navarro. O Seridó também chama a atenção pelo grande número de pessoas que tiram a própria vida. Se você olhar as redes sociais, a imprensa, vai perceber como é grande o número de pessoas que tomam esta atitude tão drástica”, disse Vivaldo em seu pronunciamento.

Para o parlamentar, o projeto “Vida Fala Mais Alto” pode ser uma alternativa para o RN também enfrentar o problema. Ele revelou que já entrou em contato com a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) e que em breve estará com a governadora Fátima Bezerra (PT) para tratar do assunto. “O Governo do RN, em parceria com os municípios, podem adotar esse programa que é totalmente exequível, praticamente sem despesa, basta somente a gestão”, completou.

Em seguida foi a vez do pronunciamento do deputado estadual José Dias (PSDB). O tucano abordou a importância da viabilização do Parque Tecnológico que está sendo desenvolvido pela UFRN no município de Macaíba. O parlamentar revelou ter sido procurado pela ex-reitora da universidade, Ângela Paiva, em busca de emendas para a iniciativa. “A classe política do RN, juntamente com o Governo do Estado, precisa se unir e se empenhar a favor deste projeto. Esse Parque Tecnológico é fundamental, é a ferramenta para preparar o nosso futuro”, disse.

José Dias ainda defendeu a construção de uma ponte sobre o Rio Jundiaí ligando a estrada de Macaíba ao Santuário dos Mártires, em São Gonçalo do Amarante. “Não falo do caráter religioso, mas sim do caráter econômico e social. Quando tivermos ponte no ligando estrada de Macaíba ao Santuário, facilitaremos e muito o acesso a este que precisará ser um grande instrumento não apenas para reverenciar mártires, mas para promoção do turismo”, finalizou.

Deputados ressaltam requerimentos destinados à saúde, segurança e educação

Os deputados estaduais utilizaram o horário destinado a lideranças na sessão ordinária da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, que aconteceu nesta quarta-feira (09), para tratar de diversos assuntos, dentre eles, questões envolvendo segurança pública, saúde e educação.

O parlamentar Sandro Pimentel (PSOL) começou o pronunciamento dele fazendo uma cobrança à empresa terceirizada que presta serviços ao Estado, a RN Segurança que, de acordo com ele, está com parte dos salários atrasada. Alguns receberam e outros não. Segundo ele, a mesma situação se aplica ao vale-alimentação e férias do exercício 2019. “Quero solicitar ao governo que tenha mais pulso nessa cobrança. O trabalhador já ganha um salário baixo e ainda amarga uma situação dessa”, disse.

Ele falou também da alegria em protocolar mais um Projeto de Lei que institui medidas de construção de passagem para fauna doméstica e silvestre nas rodovias do RN. “Sabemos da taxa de mortalidade nessas rodovias. É preciso ter um plano apara evitar isso. São ações que devem ser tomadas em conjunto entre Governo do Estado e municípios”, falou.

Sandro Pimentel também comentou requerimento que apresentou parabenizando um conjunto de estudantes do curso de Química da UFRN, que foram premiados internacionalmente por criarem uma forma de detectar câncer de mama sem precisar de mamografia. “Olhe a importância disso para quem não tem condições de fazer uma mamografia e, ainda, como significa uma maior rapidez de diagnóstico. Parabenizo os alunos e a Universidade, fica aqui o nosso reconhecimento e o orgulho”.

O deputado estadual Ubaldo Fernandes (PL) aproveitou para fazer um apelo ao Governo do Estado, através da Secretaria de Segurança Pública. “Sabemos que segurança pública é ampla e sabemos das dificuldades, porque ela tem que estar presente em todo o RN. Mas quero pedir para que sejam destinados policiais para a cidade de Campo Redondo, que tem deficiência de polícia”, comentou. Ele informou que a cidade tem cerca de 11 mil habitantes e conta com apenas um policial.

Com a mesma pauta de segurança pública, Ubaldo Fernandes fez um apelo com relação ao Aeroporto Aluízio Alves, já que várias pessoas que chegam ou saem do local estão sendo assaltadas frequentemente. “É preciso que se implante nas imediações do aeroporto uma base permanente da Polícia Militar, para garantir a segurança das pessoas, sejam moradores do nossos estado ou turistas. Se acontecer algo maior, com certeza haverá repercussão nacional e não será bom para o nosso turismo”, alertou.

Já o parlamentar Gustavo Carvalho (PSDB) comentou sobre o veto do Governo do Estado ao Projeto de Lei da autoria dele. O PL dispõe sobre a transparência e publicidade da motivação de obras paralisadas. “Essas obras muitas vezes têm os recursos públicos jogados no lixo com a paralisação. Gostaria que o governo publicasse a motivação da paralisação das obras, até para que nós pudéssemos cobrar onde estivesse existindo esse obstáculo para a não continuidade da obra. Fico triste com o veto e apresentaremos contrarrazões para derrubá-lo”, informou.

Dr. Bernardo (Avante) enalteceu a reunião ocorrida em Brasília entre a governadora Fátima Bezerra (PT) e o ministro da Educação, Milton Ribeiro. Segundo o deputado, ficou acertada a liberação de emendas parlamentares no valor de R$ 12 milhões para melhoria do transporte escolar e infraestrutura das escolas do RN em 2021. Ele aproveitou a informação para fazer um requerimento ao Governo do Estado, para que inclua no orçamento a reforma na parte estrutural, além de ampliação e construção de uma quadra coberta na Escola Estadual Sebastião Gurgel, em Caraúbas.

O deputado Francisco do PT fez referência aos 100 anos da Paróquia de São Sebastião, de Parelhas e falou também do selo Unicef, que, de acordo com ele, agracia gestores da Amazônia e do Semiárido em boas práticas e estratégias de políticas públicas, buscando reduzir desigualdades. “São cerca de 22 milhões de crianças e adolescentes em mais de 2.100 municípios e há 20 anos a Unicef vem premiando as gestões que procuram implementar essas boas práticas. Aqui no RN, na gestão 2017 – 2019, 53 municípios foram agraciados com o selo. Na região do Seridó são 11 municípios. Parabenizo os gestores, especialmente no município de Parelhas, que é a quarta vez consecutiva que é agraciado com o selo”. Ele também parabenizou Currais Novos.

Por sua vez, Albert Dickson (PROS) registrou a moção de aplauso que o Tribunal Regional do Estado (TRE) concedeu a ele. “Nosso trabalho começou há mais ou menos três meses na luta contra a Covid-19, defendendo o uso da ivermectina. Nós estamos no caminho correto, tivemos sucesso absoluto nas cidades que implantaram o medicamento. Agradeço ao TRE e digo que nós vamos continuar nessa luta por uma saúde digna”, falou.

O parlamentar também mencionou a segunda onda de Covid-19 que está acontecendo. “A curva começou a crescer novamente e agora é uma hora muito importante de se observar, porque estamos perto das festividades de fim de ano”, alertou.

Por fim, a deputada Cristiane Dantas (SDD) registrou a participação dela no Jubileu de Ouro Sacerdotal do Cônego José Mario, representando a Assembleia Legislativa, juntamente com o deputado Ubaldo Fernandes. “Ressalto todo o trabalho que José Mario faz nesses anos em todo o Estado. Ele é uma referência para todos os sacerdotes pelo trabalho que desempenha com tanta humildade”, disse. Ela também comentou a certificação do selo Unicef, falou do quanto é importante e parabenizou todos os municípios que foram agraciados, ressaltando os municípios de São José de Mipibu e Santana do Seridó.

Hermano Morais alerta população sobre cuidados para evitar Covid-19 e dengue

O deputado estadual Hermano Morais (PSB) alertou a população Norte-rio-grandense sobre a importância dos cuidados que devem ser tomados para evitar uma segunda onda de contaminação da Covid-19 e sobre o aumento do número de casos de dengue no Estado.

“Venho aqui lembrar o quanto é importante redobrar os cuidados para evitar a temida segunda onda da Covid-19 por aqui. Lembrar que as pessoas precisam fazer o distanciamento social, ter cuidados com higienização e manter a observância do que orienta as autoridades sanitárias para que a gente possa superar esse momento de dificuldade enquanto a vacina não chega”, destacou em relação à pandemia.

De acordo com o parlamentar já são mais de três mil casos de dengue confirmados no Rio Grande do Norte em 2020. “Precisamos também alertar para essa enfermidade que merece nossa total atenção. Não devemos descuidar da questão, assim como as secretarias também devem fazer o mesmo”, disse. Hermano Morais disse ainda que o Estado registrou cinco mortes decorrentes da dengue no RN.

Zé Dias reforça necessidade de planejamento do Governo para aplicação da vacina

O deputado estadual José Dias (PSDB) usou o horário dos oradores durante sessão ordinária desta quarta-feira (09), na Assembleia Legislativa, para esclarecer o seu pronunciamento da sessão da última terça-feira (08). De acordo com o parlamentar houve uma interpretação equivocada do que foi colocado, quando o mesmo cobrou do Governo do Estado às medidas necessárias para o enfrentamento da nova onda do coronavírus, especificamente sobre a aplicação da vacina.

“Quero primeiro deixar claro que sei que o Sistema Único de Saúde é descentralizado. Cabe ao Governo Federal a orientação, coordenação e o suprimento de insumos. Mas é preciso deixar bem claro que o planejamento para aplicação é de responsabilidade do Governo do Estado. Foi sobre isso que falei”,  explicou.

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que compete ao ministério o planejamento da vacinação em todo o País.

Comissão de Administração aprova projeto de crédito para pequenos agricultores

Entre as matérias discutidas, votadas e aprovadas na reunião extraordinária da Comissão de Administração, Serviços Públicos e Trabalho (CASPT) da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, realizada na manhã desta quarta-feira (9), está o Projeto de Lei 118/2020 que cria o Programa de Crédito Especial Desburocratizado, de forma urgente, para assentamentos e pequenos agricultores do Estado.

“O isolamento social em decorrência do coronavírus, já começa a provocar grande impacto na economia e, sobretudo, na renda das pessoas. Ou seja, nas suas entidades familiares. Dessa forma, é necessário enfrentar a crise causada por essa pandemia. O presente Projeto de Lei tem como foco o financiamento para o homem do campo, que por conta de tudo o que se passa, poderá não ter condições de produção”, destaca o deputado Kleber Rodrigues (PL) que teve a iniciativa do Projeto.

De acordo com a propositura, as condições estabelecidas para a implementação serão regulamentas em decreto a ser expedido pelo Governo do Estado. O Projeto tem como foco o financiamento do homem do campo, que, por conta de tudo o que se passa, poderá não ter condições de produção, dificultando também a redistribuição de renda, pois as pessoas não terão o que adquirir, já que agricultor não vai ter como produzir o alimento que será necessário.

Diante desse cenário, a justificativa considera que os preços dos produtos vão subir de maneira alarmante, e por isso os pequenos agricultores precisam de créditos especiais para a compra de insumos e para a produção de produtos de ciclo curto, tais como legumes e verduras, para que essa produção de ciclo rápido chegue às prateleiras, e, portanto, ao consumo.

De uma pauta inicial com 25 projetos para deliberação, 20 foram aprovados na Comissão, três foram retirados da pauta, um foi rejeitado e um recebeu pedido de vista pelo deputado Gustavo Carvalho (PSDB), que presidiu a reunião. Participaram ainda os deputados Dr. Bernardo (Avante) e Isolda Dantas (PT).

Nelter destaca reforço de mais R$ 5 milhões para obras da estrada de acesso à Oiticica

O deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) destacou durante sessão ordinária desta quarta-feira (09), na Assembleia Legislativa, a visita que fez ao lado do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, às obras da Barragem de Oiticica, localizada no município de Jucurutu. O parlamentar destacou que conseguiu, junto ao ministro, que a obra da estrada que dá acesso à RN- 118, trecho que liga a Comunidade Arueira a Nova Barra de Santana, seja incluída no projeto.

“A estrada não estava no projeto e através de um requerimento nosso, o ministro Rogério Marinho sinalizou que vai disponibilizar mais R$ 5 milhões para que essa obra seja realizada”, informou.
Nelter lembrou que essa era uma luta antiga do seu mandato. “Esse é um sonho que se arrasta há muitos anos e que conseguimos viabilizar ainda no Governo Dilma e o então presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves. Hoje a Barragem já é uma realidade”, declarou.

O deputado destacou também a importância da obra para a economia, para o turismo e, principalmente, para os moradores da região. “Eu agradeço e faço aqui o nosso reconhecimento pelo empenho do ministro Rogério Marinho em trabalhar pelo desenvolvimento do nosso Estado”, finalizou.

Comissão de Justiça aprova política de atendimento para mulheres mastectomizadas

Os deputados da Comissão de Constituição Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovaram o Projeto de Lei (PL) de autoria do deputado Coronel Azevedo (PSC) que institui a Política de Atendimento Multidisciplinar Acolhedor e Terapêutico para mulheres que sofreram mastectomia e fazem quimioterapia e radioterapia em virtude do câncer. O projeto teve relatoria da deputada Cristiane Dantas (SDD), cujo parecer favorável à matéria foi acompanhado à unanimidade pelos demais colegas da Comissão.

De acordo com o autor do PL, o foco é a proteção mental da saúde das mulheres que são diagnosticadas com o câncer de mama, uma vez que estudos referentes à esta doença indicam que pacientes que recebem atendimento psicológico e social possuem um melhor ajustamento à  doença, pois distúrbios emocionais como ansiedade e depressão são reduzidos.

A CCJ também aprovou o Projeto de Lei que institui o registro de Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) de base populacional do RN. De autoria do deputado Hermano Morais (PSB), o PL tem a finalidade de registrar informações sobre a ocorrência de casos de ELA no Estado para, assim, estabelecer  mecanismos  que  possibilitem  dotar  o RN de  instrumentos confiáveis  que  contribuam,  inclusive nacionalmente, no  planejamento de intervenções de saúde mais específicas.

Outro projeto aprovado na reunião ordinária desta terça-feira (08), reconhece as rendeiras de bilros da Vila de Ponta Negra como Patrimônio Cultural Imaterial do Estado. O projeto tem autoria do deputado Francisco do PT e teve relatoria da deputada Cristiane Dantas (SDD). Também de autoria de Francisco do PT, foi aprovado o PL que veda a nomeação para cargos em comissão de pessoas que tenham sido condenadas por crime de racismo.

O projeto que dispõe sobre o atendimento a pessoas com deficiência auditiva através de tradutor-intérprete em Língua Brasileira de Sinais (Libras), nos equipamentos de saúde públicos do RN, de autoria do deputado Allyson Bezerra (SDD) também foi aprovado.

Dando prosseguimento aos trabalhos para zerar a pauta de 2020 da CCJ, os deputados aprovaram outros projetos. Como o que reconhece de utilidade pública a ong Amigos do Totó -Tot’Ong, de autoria do deputado Sandro Pimentel (PSOL), o que institui o dia 10 de maio como a Dia Estadual do Guia de Turismo e o que institui a Política de Incentivo à Segurança de Mototaxistas e Motoboys, e renovação da frota de motocicletas utilizadas como ferramentas de trabalho, ambos de autoria do deputado Coronel Azevedo.

Na reunião os parlamentares votaram pela inadmissibilidade da matéria que regulamenta o art. 141 da constituição estadual e estabelece a autonomia universitária plena da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte. O voto da relatora, deputada Cristiane Dantas, pediu o arquivamento e destacou que a matéria é privativa da chefe do Poder Executivo.

A concessão de título de cidadania ao vice-almirante e comandante do 3º Distrito Naval, Alan Guimarães Azevedo, também de autoria do Coronel Azevedo, também foi aprovado. Participaram da reunião, os deputados Hermano Morais, Cristiane Dantas, Francisco do PT e Coronel Azevedo.

Kleber Rodrigues é eleito o Parlamentar do Ano 2020 na Assembleia Legislativa

A imprensa elegeu, na manhã desta terça-feira (07), o deputado estadual Kleber Rodrigues (PL) como o Parlamentar do Ano 2020. O deputado recebeu 26 votos dos jornalistas que acompanham as atividades no Poder Legislativo. Dos 39 profissionais da comunicação aptos a votar, 35 compareceram.

“Ter sido escolhido o Parlamentar do Ano de 2020 me enche de orgulho, satisfação e gratidão. Receber essa honraria é redobrar a dedicação a um mandato que representa o povo do Rio Grande do Norte. Dedico essa escolha à luta em defesa da geração do emprego e renda”, disse Kleber Rodrigues que está em Brasília representando a Assembleia Legislativa em audiências nos Ministérios das Comunicações e Desenvolvimento Regional.

Ele agradeceu o título a todos os jornalistas que fazem a cobertura dos trabalhos legislativos e disse que a escolha só aumenta a responsabilidade com um mandato participativo e voltado para o desenvolvimento do Estado.

O prêmio “Parlamentar do Ano” acontece desde 1982 e é realizado pelo Comitê de Imprensa da Assembleia Legislativa, que reúne os jornalistas credenciados que cobrem os trabalhos da Casa e realizam a escolha do Parlamentar do Ano. “Mesmo com o advento da pandemia, a Assembleia Legislativa não parou e se destaca pela alta produção Legislativa. É importante ressaltar que qualquer um dos 24 deputados, cada um com a sua bandeira, seria uma boa escolha para o prêmio”, disse Oliveira Wanderley, presidente do Comitê de Imprensa, responsável pelo processo eleitoral.

Produção Legislativa
Desde que assumiu o mandato, em janeiro de 2019, Kleber Rodrigues foi o autor de 22 Leis aprovadas na Assembleia Legislativa, em benefício das pessoas com deficiência, crianças e adolescentes e geração de emprego e renda. Recentemente, Kleber Rodrigues comandou a aprovação da nova Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, projeto enviado pelo Governo do Estado, e aperfeiçoado pelos deputados estaduais.
Como presidente da Frente Parlamentar, ele convidou os representantes da classe produtora para o debate e  defendeu um tratamento diferenciado e simplificado nos processos de abertura de empresas, obtenção de licenciamento, inserção nas licitações do governo contando com um fundo garantidor da Agência de Fomento do Estado (AGN), acesso à inovação, entre outros.
Também é de Kleber Rodrigues a Lei que criou o Pró-emprego no Rio Grande do Norte, um impulso para economia potiguar que abriu 2 mil novas vagas de trabalho.
Mesmo em um ano adverso, em meio a pandemia da Covid-19, Kleber Rodrigues garantiu a produção Legislativa da Comissão de Constituição, Justiça e Redação. Como presidente da CCJ ele zerou a pauta de votação várias vezes em 2020.  Além das reuniões semanais foram asseguradas cinco extraordinárias. Todas com a ampla participação dos membros da Comissão.

Francisco do PT pede ao Governo do RN realização de concurso público para Emater

O deputado estadual Francisco do PT defendeu nesta terça-feira (08) a realização de um concurso público para a Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-RN). A proposta foi encaminhada pelo parlamentar em forma de requerimento ao Governo do Estado e suas secretarias. O pronunciamento do petista ocorreu durante o horário dos deputados na sessão da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

“Temos que reconhecer a importância do trabalho dos servidores da Emater, instituição que tem sofrido uma redução forte do seu quadro funcional. É importante a recomposição por meio de concurso público. Mais uma vez reforço que sabemos dificuldades que estado atravessa do ponto de vista fiscal e financeiro, pelos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal. Mas é necessário esforço no sentido de se encontrar um caminho do ponto de vista da legalidade, para que os quadros da Emater possam ser recompostos”, disse Francisco.

Ainda em seu discurso, o deputado acrescentou que apresentou outra solicitação ao Governo envolvendo a Emater, dessa vez solicitando a reestruturação da tabela do plano de cargos, carreiras e salários dos servidores públicos do órgão. “Acreditamos que apesar das dificuldades vivenciadas pelo RN, é importante destacar que se faz necessário a atualização dessas medidas que visam o fortalecimento do corpo de servidores, sobretudo a recomposição inflacionária dos últimos 10 anos”, completou.

Já o deputado Vivaldo Costa (PSD) registrou o início das obras de recuperação da barragem Passagem das Traíras, no Seridó potiguar. O projeto foi anunciado na semana passada em solenidade que contou com as presenças do presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira (PSDB), e o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Em seguida, o parlamentar voltou a alertar para os perigos do coronavírus. “O prefeito Álvaro Dias pede empenho para evitar colapso em Natal. Ele diz que colaboração é importante para evitar medidas extremas. Já proibiu aglomerações com mais de 50 pessoas, cancelou festas de fim de ano e carnaval e fez muito bem”, disse Vivaldo.

Outro assunto abordado na sessão foram os mil dias completados do assassinato da ex-vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco (Psol). O fato foi relembrado em plenário pelo deputado estadual Sandro Pimentel (Psol). “Hoje mil dias se completam e ainda não sabemos o porquê. Quem mandou matar Marielle Franco e o porquê? ”, questionou.

“São mil dias sem a presença de Marielle Franco, sem o sorriso daquela mulher linda e de luta, que lutava por justiça social, que combatia milícias, que não deixava que a sua voz se calasse. E calaram, mas dessa forma covarde, cruel. Vivemos em país dito democrático, porque de democracia não tem nada. Quando pessoas se rebela, se revoltam, de forma coerente e justa, o podre poder infelizmente manda calar, silenciar. Não podemos aceitar um assassinato por ideologia, por forma de pensar, por exigir um mundo melhor”, disse Sandro.

O deputado Hermano Morais (MDB) citou o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, ocorrido na última quinta-feira (03). “Importante conscientizar população da importância de assegurar melhor qualidade de vida para pessoas com deficiência. Quase 28% da população tem algum tipo de deficiência, exigindo do poder público atenção adequada”, disse.

Os 76 anos de existência do Núcleo de Preparação de Oficiais da Reserva do Exército em Natal, o NPOR, foi o tema do discurso do deputado estadual coronel Azevedo (PSC). O parlamentar revelou que mais de 1,3 mil oficiais já foram formados no RN.

O deputado Ubaldo Fernandes registrou sua passagem pelas cidades de Macau e Mossoró no último final de semana, quando aproveitou para prestar contas do seu mandato. Na região salineira, ainda esteve visitando os moradores da região da Alcanorte, que têm suas residências no alvo de um processo jurídico. Segundo o parlamentar, são 290 famílias que poderão receber ordem de despejo. “Entendo que tem que haver intervenção do governo do Estado junto a Prefeitura de Macau para fazer pleito e evitar que população seja desalojada por alguma ordem de despejo. É preciso consenso na Justiça para pelo menos preservar o habitat natural”, disse.

Dr. Bernardo destaca gravidade da segunda fase da Covid no Médio Oeste

Durante a sessão ordinária desta terça-feira (8), o deputado Dr. Bernardo (Avante) abordou a situação crítica do Médio Oeste Potiguar em relação à segunda fase de Covid-19 e voltou a alertar a população sobre os cuidados na prevenção da doença.

“A minha fala hoje é para externar, como médico que sou, a minha preocupação com o novo Coronavírus, que tem assolado de forma muito intensa, nessa segunda ‘onda’, a região do Médio Oeste. Mas, primeiro, quero falar da alegria de ter sido o deputado que intercedeu, junto ao Governo do Estado, em março, para que fosse feita uma parceria com o Hospital São Luiz, em Mossoró, atendendo uma solicitação do médico otorrino Ewerton Rozendo”, iniciou.

O parlamentar contou que fez os primeiros contatos e requerimentos junto ao governo estadual, no sentido de que aquela unidade passasse a atender exclusivamente pacientes da Covid-19. “Eu parabenizo o governo por ter atendido essa solicitação e fico feliz em saber que, hoje, o Hospital São Luiz tem sido a solução para os casos graves de toda a região Oeste”, disse.

Dr. Bernardo detalhou ainda a situação atual na referida unidade de saúde. “Essa semana havia 27 pacientes graves internados. A maioria do município de Umarizal, que passou por uma crise tremenda, com o acometimento de grande parte da população. De Almino Afonso, nós temos três pacientes. Dois deles, inclusive, pais de assessores meus, que estão com certa gravidade”.

Em seguida, o deputado relatou uma situação de dificuldade pela qual passou o hospital no último fim de semana. “Esse final de semana eu conversava com o Dr. Caio, e ele me retratava a situação grave na unidade, que tem um grande número de pacientes internados. Ele disse que isso tem sobrecarregado os plantões. Além disso, ele falou que estava faltando um medicamento chamando Propofol, sedativo utilizado pelos pacientes entubados”, contou.

Dr. Bernardo revelou que, de imediato, ligou para o diretor-geral da Unicat – Natal, Ralfo Medeiros, que se prontificou a fornecer os medicamentos através de parceria. “Depois, entrei em contato com os responsáveis pelos hospitais de Apodi e de Mossoró. Graças a Deus todos se empenharam, e nós conseguimos permutas daquele medicamento, para que o São Luiz logo se reabastecesse”, frisou.

“Então, eu queria agradecer aqui a esses profissionais: Dr. Caio; Ralfo, diretor da Unicat; Herbenia Ferreira, diretora do Tarcísio Maia, em Mossoró; Dra. Lariza; e Alyson de Gois, do Apodi; que num domingo à tarde me atenderam e somaram esforços para ajudar aqueles 27 pacientes do São Luiz que precisavam dessa medicação. E isso me deixa satisfeito, porque eu fui candidato a deputado estadual com esse propósito, de ajudar as pessoas coletivamente”, destacou.

Por fim, o parlamentar alertou mais uma vez a população do RN para os cuidados na prevenção ao novo Coronavírus. “Precisamos intensificar as medidas preventivas, para que possamos, quem sabe, em janeiro ou fevereiro, ter essa vacina e resolver essa problemática de uma vez por todas”, concluiu.