Ministério da Saúde quer eliminar sarampo do país até julho

VACINAO Ministério da Saúde estipulou como meta erradicar o sarampo até julho deste ano. A declaração do secretário de Vigilância em Saúde (SVS) do ministério, Wanderson de Oliveira, ocorreu hoje (14), após a morte de uma criança de 9 anos no Rio de Janeiro. “Nossa meta é eliminar com o sarampo até 1º de julho de 2020. Para isso temos que ter adesão da população e dos gestores estaduais e municipais”.

O ministério lança amanhã (15) o Dia D de vacinação contra o sarampo. O secretário-executivo da pasta, João Gabbardo, lamentou a morte da criança e acrescentou que a fatalidade serve de alerta para os pais e responsáveis vacinarem as crianças. “A morte dessa criança, tragicamente, é o maior alerta que a gente pode fazer para que os pais levem as crianças aos postos de saúde do Brasil inteiro para fazer a vacina”.

Registrada na França a primeira morte na Europa pelo novo coronavírus

CORONAVÍRUSUm turista chinês de 80 anos infectado pelo novo coronavírus (Covid-19) morreu na França, sendo esta a primeira morte na Europa, anunciou hoje (15) a ministra da Saúde francesa, Agnès Buzyn. Esta morte é “a primeira fora da Ásia e a primeira na Europa”, disse a ministra durante uma conferência de imprensa.

O homem, originário da província de Hubei – a mais afetada na China -, chegou à França em 16 de janeiro e foi internado no Hospital Bichat, na capital francesa, em 25 de janeiro. Esta é a quarta morte reportada fora da China continental e a primeira na Europa.

Postos de saúde abrem em todo o país para vacinação contra sarampo

sarampoOs postos de saúde de todo o país funcionam durante todo o dia neste sábado (15), Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, que este ano tem como conceito Mais proteção para a sua família. De acordo com o Ministério da Saúde, a campanha objetiva sensibilizar os pais e responsáveis sobre os riscos de não vacinar seus filhos, pois sarampo é uma doença grave e que pode matar.

“É importante que as pessoas entendam as consequências de não se vacinar contra o sarampo, que é um vírus de alta transmissibilidade, podendo uma pessoa com a doença contaminar mais 18 indivíduos, e letal, principalmente em crianças. Por isso, os responsáveis devem ficar atentos e levar suas crianças para vacinar”, alertou o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

OMS afirma que epidemia do coronavírus está controlada no resto do mundo

A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou que a epidemia de Covid-19, infecção provocada pelo novo coronavírus, foi controlada no mundo. Na terça-feira (13), o diretor-executivo do programa de emergências de saúde da OMS, Mike Ryan, disse em uma entrevista coletiva que não há “aumentos dramáticos de transmissão fora da China”, além dos casos da embarcação Diamond Princess.

Nos últimos dias a China relatou um aumento de quase 14 mil casos confirmados de infecção por coronavírus após uma mudança na metodologia de diagnóstico na província de Hubei. Apenas no epicentro da doença, exames laboratoriais poderão ser substituídos por avaliações clínicas.

Ryan disse que a maior parte dos casos revistos na China não são recentes e aguardavam uma confirmação desde o início do surto. Ele também ressaltou que, no final de semana, especialistas da OMS desembarcam em Pequim para contribuir com o combate à epidemia.

Polícia vai investigar versão de paciente sobre contato com chineses no RN

A Polícia Civil vai investigar a versão do paciente internado no Hospital Giselda Trigueiro sobre o contato dele com chineses que levantou a suspeita de possível caso de coronavírus no RN. Em entrevista coletiva nesta sexta (14), a Secretaria Estadual de Saúde pública (Sesap) informou que não há nenhum caso suspeito de coronavírus no Rio Grande do Norte.

De acordo com os médicos, ao dar entrada em um hospital privado de Natal na última quarta-feira (12), o rapaz disse estar com tosse e febre, além de ter tido contato com chineses de Wuhan – cidade considerada o epicentro do vírus – em 20 de janeiro. “Se esse caso não fosse apurado seria uma grande irresponsabilidade”, diz André Prudente, diretor do Giselda Trigueira.

Dia D contra o sarampo acontece neste sábado em Natal

download (12)Amanhã (15/02), 70 salas de vacinação no município do Natal vão estar disponíveis para o dia D de mobilização da primeira fase da campanha nacional contra o Sarampo. Localizadas nos postos de saúde da cidade, elas vão estar recebendo das 8h às 13h desse sábado, pessoas com idade entre 5 e 19 anos que ainda não tenham tomado a primeira dose da vacina ou que estejam com o cartão vacinal incompleto.

“O objetivo é fazer com que as pessoas adquiram imunidade contra a doença, e para isso convidamos a toda a população interessada a comparecer às unidades de saúde para tomarem a primeira dose da vacina ou darem continuidade ao tratamento já iniciado, levando um documento de identificação e cartão de vacina”, como explica a chefe do Núcleo de Agravos Imunopreveníveis (NAI), Vaneska Gadelha.

A primeira fase da campanha começou no último dia 10 de fevereiro e se estende até o dia 13 de março com a intenção de imunizar cerca de 12 mil pessoas na capital.

Ministério da Saúde lança projeto para teste rápido de leptospirose

capa-13022020O Ministério da Saúde e a Fiocruz Bahia lançaram, nessa quinta-feira (13), projeto para avaliar a implantação de teste rápido para diagnóstico de leptospirose. O projeto tem como objetivo verificar a efetividade do TR DPP® Leptospirose para auxílio na conduta diagnóstica e manejo clínico da doença pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Os resultados do teste serão comparados com os demais métodos já existentes na rede.

O teste identifica, em sangue total, soro ou plasma, anticorpos para a leptospirose, apresentando resultado em até 20 minutos. É uma ferramenta de fácil uso para diagnóstico em campo ou laboratório, com a vantagem de ser uma opção portátil, simples e rápida. O teste foi desenvolvido por pesquisadores da Fiocruz Bahia a partir da parceria com Bio-Manguinhos, unidade produtora de imunobiológicos da Fiocruz nacional. Os primeiros testes com o kit já foram realizados em Salvador (BA).

O projeto deverá contar com participantes de todas as regiões do país. A região Sudeste foi sugerida para iniciar o projeto devido às chuvas acentuadas, pois as inundações favorecem a ocorrência de casos de leptospirose. Uma das formas de transmissão da doença é o contato com a água contaminada por urina de animais infectados. Posteriormente, as demais regiões serão contempladas pelo projeto.

O kit de diagnóstico será usado em ambiente hospitalar, para auxiliar e dar oportunidade ao tratamento específico da doença. A partir de sua disponibilização, os médicos terão em mãos mais um subsídio para iniciarem o tratamento, mesmo sem confirmação diagnóstica laboratorial em padrão ouro, que pode demorar cerca de um mês, fortalecendo a conduta clínica e reduzindo as chances do paciente evoluir com gravidade e possivelmente ao óbito.

 

 

Bebê de 8 meses é 1ª vítima de sarampo no Brasil

A primeira morte por sarampo confirmada este ano no Brasil aconteceu no estado do Rio de Janeiro, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, região que registra o maior número de casos nesse estado. A vítima foi o bebê de 8 meses David Gabriel dos Santos, que vivia no abrigo Santa Bárbara, local que recebe crianças acauteladas em situação de vulnerabilidade social.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (SES), ele deu entrada no Hospital Geral de Nova Iguaçu no dia 22 de dezembro, com quadro de pneumonia, e faleceu no dia 6 de janeiro. A confirmação da doença foi feita em duas análises de amostras do sangue de David e divulgada na noite de ontem (13) pela SES.

De acordo com o secretário, Edmar Santos, “isso traz para a gente uma situação de bastante perplexidade, uma vez que é uma doença que tem como ser evitada. Basta que haja a vacinação, que está disponível em todos os postos. Há 20 anos a gente não tinha uma morte por sarampo no estado do Rio de Janeiro”.

A subsecretária de Vigilância em Saúde, Claudia Maria Braga de Melo, explicou que o bebê não foi vacinado: “À época, quando foi feita a vacinação de rotina nesse abrigo, a criança tinha menos de 6 meses de idade. Por isso ela não foi vacinada. Teve mais duas crianças e uma cuidadora que pegaram sarampo, mas já estão curadas.”

Em Natal, o Dia D acontece neste sábado em mais de 70 postos de saúde.

Exames descartam hipótese de coronavírus em paciente no RN

CoronavírusO primeiro caso investigado para aferir a suspeita de coronavírus no Rio Grande do Norte está praticamente descartado. O paciente é um jovem de 25 anos, modelo, que deu entrada no Hospital Giselda Trigueiro, em Natal, alegando estar com sintomas da doença. Ele está isolado e recebeu visita de familiares na manhã desta quinta-feira (13).

Segundo o diretor da unidade, o médico infectologista André Prudente, o homem, natural de Baía Formosa, alegou contato com chineses no último dia 20 de janeiro, em um hotel da praia de Pipa, em Tibau do Sul, na Grande Natal. Os exames iniciais, de urina, sangue e respiratórios, descartam a hipótese do vírus oriundo da China.

Japão confirma primeira morte por Coronavírus

CoronavírusO Japão confirmou a primeira morte no país por Covid-19, doença respiratória provocada pelo novo coronavírus. Nesta quinta-feira (13), ministro da Saúde do Japão, Katsunobu Kato, disse em entrevista coletiva que a paciente era uma mulher de cerca de 80 anos, moradora da região metropolitana de Tóquio.

A capital japonesa será a sede das Olimpíadas de 2020, que começam em 24 de julho. Na semana passada, o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, garantiu ao Parlamento que não haverá alterações no calendário das competições por conta da epidemia de coronavírus.